Cascavel – A segunda etapa do campeonato brasileiro de motovelocidade, realizada domingo, no Autódromo Internacional de Cascavel, no Paraná, foi marcada por boas disputas. Com o incentivo de 12 mil pessoas, os pilotos tiveram que mostrar habilidade para garantir os lugares mais altos do pódio. Na categoria Supersport, uma das principais da modalidade, Gilson Scudeler assegurou a primeira vitória da temporada. Marco Brunheroto foi o mais rápido na Sportlight. Na 500cc, Murilo Colatreli conquistou a primeira vitória da carreira. O piloto de Cascavel Fábio Peasson fez a alegria do público, vencendo em casa, na categoria 250cc. Ana Lima, a japonesa voadora, foi a melhor na 125cc. O Campeonato Brasileiro de Motovelocidade é organizado pela CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo), tem patrocínio da Honda e Mobil e co-patrocínio de Expresso Joaçaba.