O lateral-direito chileno Figueroa foi relacionado pela primeira vez no Palmeiras e viaja com o restante da delegação para Salvador, onde o Palmeiras enfrenta o Vitória, domingo.

Embora só pudesse estrear em agosto, com a abertura da janela de transferências internacionais, o chileno chegou no final de junho para ganhar entrosamento. No entanto, ele contraiu uma gripe, precisou passar por quarentena e desde então luta para recuperar a melhor forma física.

“Estou muito feliz. Tive alguns problemas de adaptação desde quando cheguei, mas agora estou completamente preparado e pronto para jogar caso seja necessário”, afirmou o jogador.

Demonstrando confiança em Wendell, que atua na mesma posição de Figueroa, o técnico Muricy Ramalho afirmou que pode aproveitar o chileno como volante. “O Wendel está vivendo um grande momento na lateral, não posso tirá-lo dessa posição. Pelo que avaliei e acompanho futebol, de repente quem pode mudar de função é o Figueroa. Ele tem técnica e visão de jogo para atuar como volante”, explicou.