O Santos anunciou nesta terça-feira que mandará o segundo jogo da final da Copa Libertadores no Estádio do Pacaembu, em São Paulo. A partida, contra o Peñarol, será disputada no dia 22 deste mês, às 21h50.

O primeiro duelo será realizado na próxima semana, no dia 15, no mesmo horário, no Estádio Centenário de Montevidéu, no Uruguai. Os árbitros das duas partidas e as informações sobre os ingressos serão anunciados nos próximos dias.

Antes da definição, a diretoria santista cogitava mandar o jogo no Morumbi, que apresenta maior capacidade e geraria maior renda para o clube. A maior bilheteria fez o Santos descartar a Vila Belmiro.

Parte da torcida rejeitava o Morumbi por superstição. No estádio do São Paulo, o Santos perdeu o título da Libertadores de 2003 para o Boca Juniors. A diretoria, contudo, alegou que, no Pacaembu, os torcedores ficam mais próximos do gramado, apesar da menor capacidade de público.

Será a quarta partida do Santos no Pacaembu nesta Libertadores. Antes, o time venceu o Deportivo Táchira, da Venezuela, na primeira fase, empatou com o Once Caldas, da Colômbia, nas quartas de final, e derrotou o Cerro Porteño na semifinal.