Divulgação
Ana Tiemi e Érika brigam pela bola, numa ação
de rede.

O Finasa/Osasco conquistou, domingo,  o primeiro torneio da Superliga Feminina ao vencer o Brasil Telecom por 3 a 2 (25/21, 25/23, 21/25, 19/25 e 15/10), em pouco mais de duas horas e meia de um jogo muito equilibrado. O técnico do Osasco, Luizomar de Moura, fez várias alterações na equipe para conseguir a vitória.

Uma delas foi a troca da jovem levantadora Ana Tiemi pela experiente Carol Albuquerque, que acabou eleita a melhor jogadora da partida. A maior pontuadora foi a atleta Paula Pequeno, com 21 pontos – ela lidera também as estatísticas da competição, com 78 acertos.

Do lado do Brasil Telecom, o técnico Maurício Thomas gostou da presença do público e lamentou a má atuação da equipe nos dois primeiros sets.

A oposto Lia, que fez 17 pontos e é considerada uma das revelações da Superliga, já espera pelo próximo jogo, no mesmo local, contra Finasa/Osasco, em 10 de janeiro, pela abertura do segundo torneio.