Fora da lista de atletas que embarcou para a disputa da Florida Cup, Lucca pode deixar o Corinthians nos próximos dias. Com contrato até julho de 2019, o atacante possui conversas avançadas com a Ponte Preta e a tendência é de que seja emprestado por uma temporada.

São dois os entraves que impedem a concretização do negócio. A Ponte não quer arcar com a totalidade dos salários, por considerar os vencimentos de Lucca elevados, e o Corinthians almeja a garantia da chegada de William Pottker, em maio, para a disputa do Campeonato Brasileiro, o que os dirigentes campineiros desejam evitar.

Empresário do atleta, Fernando Garcia confirmou as tratativas. “Estamos em negociações avançadas”, disse em breve contato com a reportagem do Estado.

O clube de Campinas, por sua vez, se mostrou mais cauteloso e preferiu não admitir nem mesmo que esteja falando com o atleta. “Até o momento eu não posso confirmar nada. Existe o interesse da Ponte, mas não tem nada certo ainda”, contou o gerente de futebol Gustavo Bueno, em entrevista à reportagem.

Lucca chegou ao Corinthians emprestado pelo Criciúma durante o Brasileirão de 2015, e se sagrou campeão nacional. O jogador acabou comprado pelo time paulistano na temporada passada, mas não conseguiu repetir as boas atuações de outrora. Além da Ponte Preta, Botafogo, Vasco e Internacional teriam demonstrado interesse no atleta.