O meia Paulo Henrique Ganso deu um novo passo, nesta segunda-feira, em sua recuperação da cirurgia no joelho esquerdo a que foi submetido no último dia 28 de agosto, três dias depois de sofrer uma torção durante o jogo contra o Grêmio, no Olímpico, pela 16.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogador teve os pontos do local retirados e agora já caminha sem o auxílio de muletas.

Em nota publicada em seu site oficial nesta terça, o Santos informou que tem a

expectativa de que o atleta já possa executar corridas leves na esteira a partir de novembro. Em seguida, o clube salientou que a previsão é a de que o retorno aos gramados do jogador aconteça no final de fevereiro do próximo ano.

Para apressar a sua recuperação, Ganso continua fazendo duas sessões diárias de fisioterapia no clube, sob a supervisão dos fisioterapeutas Avelino Buongermino, Thiago Lobo e Rafael Martini.