O jornal The Washington Post publicou em sua edição de hoje que o atual campeão olímpico dos 100 metros, o norte-americano Justin Gatlin, foi informado de que será suspenso por quatro anos por uso de doping.

Gatlin testou positivo para altos índices de testosterona no dia 22 de abril de 2006 e o caso estava sendo analisado, mas foi concluído de forma desfavorável ao atleta, que recorria.

A decisão foi baseada no relatório de três árbitros que produziram um relatório de 53 páginas a favor de quatro anos de punição, apesar de um dos árbitros ter preparado 22 páginas com uma opinião divergente. Gatlin já havia sido punido uma vez por uso de doping, por isso não pode ser punido por dois anos, como o usual.

Gatlin foi punido por testar positivo para doping no Campeonato Mundial Júnior de 2001, quando foi punido com uma suspensão por dois anos.