O Grand Slam de Gstaad, etapa do Circuito Mundial de vôlei de praia, terá uma final brasileira na chave masculina. Ricardo/Álvaro Filho e Bruno Schmidt/Pedro Solberg vão duelar na decisão deste domingo, na arena montada na cidade suíça. Será a primeira final totalmente brasileira no masculino na atual temporada.

Para chegarem à decisão, as duas duplas precisaram vencer três jogos cada neste sábado. Ricardo e Álvaro superaram os poloneses Kantor e Losiak (21/17 e 21/13), pelas oitavas de final, os espanhóis Herrera e Gavira (duplo 21/15), nas quartas. E os holandeses Brouwer e Meeuwsen (21/19 e 21/17), com sabor de vingança. Os brasileiros haviam sido vencidos pelos rivais há seis dias na final do Mundial.

Bruno Schmidt e Pedro Solberg derrotaram os italianos Lupo e Nicolai (22/20 e 21/15), os alemães Erdmann e Matysik (23/21 e 21/19) e os americanos Gibb e Patterson (21/16 e 21/10). Gibb e Patterson haviam eliminado nas oitavas de final os brasileiros Alison e Emanuel.

A final, marcada para as 9h45 deste domingo (horário de Brasília), vai reunir duas das melhores duplas da temporada. Bruno Schmidt e Pedro Solberg são os atuais líderes do ranking mundial e vão para a terceira final de Grand Slam na temporada – eles têm um primeiro e um segundo lugar.

Ricardo e Álvaro Filho disputarão a segunda decisão do ano, logo depois do vice-campeonato mundial, obtido na semana passada. No confronto direto, as duplas estão empatadas, com uma vitória para cada lado.