Um dos reforços do Grêmio para a temporada, o goleiro Dida ficará afastado dos gramados pelos próximos 15 dias. Ele teve confirmada nesta sexta-feira uma lesão no ombro direito, sofrida durante o jogo de ida contra a LDU, na quarta-feira, pela fase preliminar da Copa Libertadores.

A contusão, confirmada através de exames de imagens, tira o goleiro da partida da volta contra os equatorianos, na próxima quarta, em Porto Alegre. De acordo com o clube, Dida já está fazendo tratamento de fisioterapia.

O goleiro se machucou no segundo tempo do jogo disputado em Quito, ao sofrer uma cabeçada de um jogador equatoriano. Ele precisou deixar a partida mais cedo. Logo após sua substituição, o Grêmio sofreu o gol da derrota contra a LDU – precisará reverter este resultado em casa para entrar na fase de grupos da Libertadores.

Seu substituto foi Marcelo Grohe, que já se diz ansioso para o segundo jogo contra os equatorianos. “Este é o jogo do ano para a gente. Define a nossa entrada definitiva na Libertadores. Sabemos que a torcida irá nos ajudar e posso dizer para os torcedores que iremos conquistar esta classificação juntos”, declarou o goleiro.

Apesar do gol sofrido em Quito, Grohe conta com a confiança do técnico Vanderlei Luxemburgo. “Tenho total confiança no Marcelo e não tenho nenhum receio em escalá-lo para este jogo que é importantíssimo para nós”, disse o treinador. Grohe foi o titular do Grêmio durante quase todo o Brasileirão de 2012.