O técnico Silas corre sério risco no cargo após uma série negativa de resultados, que deixou o Grêmio na zona do rebaixamento do Campeonato Brasileiro. E buscando a reabilitação contra o Cruzeiro, domingo, fora de casa, ele deve mudar até mesmo a formação tática, deixando de lado o 4-4-2 e escalando uma equipe com três zagueiros.

A mudança foi testada no treino desta sexta-feira. Sem contar com o lateral-esquerdo Neuton, suspenso, o treinador escalou Hugo na ala, adiantou o posicionamento de Edilson e montou a defesa com Rodrigo, Ozeia e Rafael Marques.

Adílson, Fábio Rochemback e Douglas devem compor o meio-de-campo, enquanto Jonas e Borges seguem como a dupla titular de ataque. Assim, o Grêmio deve jogar no domingo com: Victor; Rodrigo, Ozeia e Rafael Marques; Edílson, Adílson, Fábio Rochemback, Douglas e Hugo; Jonas e Borges.

O Grêmio está apenas na 17.ª colocação do Campeonato Brasileiro, com dez pontos conquistados após dez rodadas.