A Fórmula 1 mudou de continente nesta semana, mas não teve alterações nos resultados. Com Lewis Hamilton à frente, a Mercedes manteve o domínio no primeiro treino livre do GP dos Estados Unidos, nesta sexta-feira. O piloto inglês deixou para trás o rival e companheiro Nico Rosberg, que também está na briga pelo título, e o compatriota Jenson Button, da McLaren, no Circuito das Américas, em Austin.

A primeira atividade do fim de semana contou com dois brasileiros na pista norte-americana. Além de Felipe Massa, o reserva da Williams, Felipe Nasr, teve bom desempenho e superou o compatriota mais experiente. O piloto de 22 anos, que substituiu o finlandês Valtteri Bottas, obteve o oitavo tempo da sessão, com 1min41s545, enquanto o titular da Williams foi o 11º, com 1min41s907.

Na ponta, Hamilton e Rosberg dominaram o treino desde que entraram na pista. O inglês realizou quatro voltas a menos que o alemão no circuito, mas foi o suficiente para marcar o melhor tempo da sessão, com 1min39s941. O vice-líder do campeonato anotou 1min40s233. Quem mais se aproximou da dupla foi Jenson Button, com 1min40s319, perto de ameaçar Rosberg.

A McLaren não se destacou apenas com Button. Seu companheiro, o dinamarquês Kevin Magnussen, registrou o quinto melhor tempo do primeiro treino (1min40s987). À frente dele, o russo Daniil Kvyat anotou o quarto, com 1min40s887.

A Ferrari e a Red Bull não conseguiram se aproximar da Mercedes. O espanhol Fernando Alonso foi o sexto (1min41s065), enquanto o finlandês Kimi Raikkonen foi apenas o 12º – 1min41s965. Já o alemão Sebastian Vettel, da equipe austríaca, foi o sétimo colocado (1min41s463). Único a vencer corridas neste ano além da Mercedes, o australiano Daniel Ricciardo obteve apenas o 17º tempo, com 1min42s598.

Completaram o Top 10 da sessão inicial o alemão Nico Hülkenberg (1min41s722) e o holandês Max Verstappen (1min41s785). Substituto do francês Jean-Éric Vergne, da Toro Rosso, neste primeiro treino, o holandês marcou o décimo tempo.

O segundo treino livre do GP dos Estados Unidos terá início às 17 horas (horário de Brasília).