No primeiro dia de treinos para o GP do Brasil de Fórmula 1, nesta sexta-feira (31), em Interlagos, Felipe Massa levou a melhor sobre Lewis Hamilton. O brasileiro da Ferrari só não foi mais rápido do que o espanhol Fernando Alonso, da Renault, enquanto que o piloto inglês da McLaren terminou a segunda sessão apenas na 9ª colocação.

Mas Hamilton minimizou o resultado dos treinos desta sexta-feira. Segundo ele, estava tudo normal no carro da McLaren, sem nenhum problema. “A gente trabalhou para acertar o carro. Focamos no ritmo de corrida”, revelou o piloto inglês, que lidera o campeonato com sete pontos de vantagem sobre Massa.

Apesar da superioridade de Massa nesta sexta-feira, Hamilton mostrou otimismo para o treino de definição do grid de largada, que acontece neste sábado, a partir das 14 horas, em Interlagos. “As mudanças que fizemos durante o treino vão nos colocar em uma boa posição na sessão de classificação”, afirmou.

Hamilton aproveitou a entrevista desta sexta-feira para falar sobre a possível conquista do título. Segundo ele, se conseguir esse feito no domingo, em Interlagos, seria uma espécie de homenagem à trajetória da família dele, de origem humilde, e por tudo que passou na McLaren, equipe que defende há 10 anos. “Adoraria fazer isso por eles”, admitiu.