A seleção brasileira masculina de handebol perdeu para o Egito por 25 a 22, nesta quinta-feira, e está fora da segunda fase do Mundial da modalidade, disputado na Croácia. A equipe agora participará das partidas para definição do 13º ao 24º colocado.

O início ruim foi fundamental para a derrota brasileira nesta quinta, na cidade de Porec. Precisando de uma vitória para manter as chances de avançar na competição, a equipe começou desconcentrada, e chegou ao fim do primeiro tempo em desvantagem de 13 a 6.

Na segunda etapa, o Brasil melhorou, mas era tarde demais. Apesar dos cinco gols de Felipe Borges, destaque da seleção no torneio, os brasileiros não conseguiram assumir a frente no placar em nenhum momento da partida.

Com o resultado, a equipe comandada por Washington Nunes terminou a primeira fase com duas vitórias – contra Sérvia e Arábia Saudita – e três derrotas – Dinamarca, Noruega e Egito. A campanha deixa os brasileiros na quinta posição do Grupo D. Só os três primeiros avançavam.