São Bernardo do Campo – A seleção brasileira feminina de handebol conseguiu duas vitórias em uma. Ao derrotar o Uruguai por 40 a 15 ontem, no Ginásio Poliesportivo Municipal de São Bernardo do Campo, o Brasil se classificou por antecipação para a decisão do torneio dos VII Jogos Sul-Americanos Brasil 2002. Além disso, o resultado assegurou a vaga brasileira nos Jogos Pan-Americanos de Santo Domingo, na República Dominicana, em 2003. A outra seleção classificada para Santo Domingo é a Argentina, que venceu o Paraguai neste domingo e fará a final com o Brasil. A Seleção Brasileira obteve a vitória deste domingo jogando em ritmo de treino. Na primeira etapa, o time teve uma atuação exemplar, sobretudo na defesa, e saiu com uma frente de 21 a 3. Com a vantagem, o Brasil relaxou no segundo tempo mas, ainda assim, ganhou com tranqüilidade. A artilheira da partida foi Viviani, com dez gols. “Fiquei muito satisfeito com o rendimento do time”, afirmou o técnico Alexandre Schneider. “Principalmente no primeiro tempo, quando o time estava concentrado, bem na defesa”. O Brasil encerra sua participação na primeira fase enfrentando justamente a Argentina, na próxima terça-feira (dia 07.08), às 15h, no Ginásio Municipal de São Bernardo do Campo. As duas seleções fizeram um jogo-treino na última semana, vencido pelo Brasil por 33 a 16.

Outro passeio

A seleção brasileira masculina de handebol derrotou o Uruguai por 32 a 9, ontem, diante de um público de cerca de 2.500 pessoas no Ginásio Poliesportivo Municipal São Bernardo do Campo. Foi a estréia do time no torneio dos VII Jogos Sul-Americanos Brasil 2002.

A superioridade física e técnica do Brasil era evidente desde o primeiro minuto. Assim, o time abriu boa vantagem no placar logo no começo. O único ponto negativo da primeira etapa na partida foi a saída de Folhas, que sofreu uma contusão no tornozelo esquerdo e não voltou mais ao jogo.

A facilidade da partida e a preocupação com o companheiro contundido fizeram com que a Seleção Brasileira se desconcentrasse e passasse a errar mais no segundo tempo. Nem assim o placar ficou apertado.

“Faltou um pouco de ritmo de jogo, mas fizemos um bom primeiro tempo”, afirmou o técnico Alberto Rigolo. “Está tudo dentro do previsto. Nosso time ainda deve crescer na competição”.

O Brasil volta a jogar no torneio masculino de handebol nesta segunda-feira (dia 05.08), contra o Chile, às 19h, no Ginásio Municipal de São Bernardo do Campo.