O árbitro Héber Roberto Lopes foi sorteado no início da tarde de ontem para apitar o clássico Atletiba. Ele venceu o sorteio com Cleivaldo Bernardo – o outro indicado – e terá como auxiliares Roberto Braatz, de Marechal Cândido Rondon, e Gilson Pereira, de Umuarama. Para 4º árbitro, foram indicados Maurício Batista dos Santos e Sandro César da Rocha.

Único paranaense homem no quadro da Fifa, (Sueli Tortura também faz parte do quadro) Héber Roberto Lopes vai apitar seu 8.º jogo neste campeonato, superando Carlos Magno, Henrique Triches, Sandro da Rocha, Cleivaldo Bernardo e Francisco Carlos Vieira, todos com sete atuações até aqui. Além de três jogos pela Libertadores, Lopes, de 31 anos, personal trainer que mora em Londrina, dirigiu o próprio Atletiba que decidiu a Copa Sesquicentenário. Assim que foi indicado no sorteio que aconteceu na sede da Federação Paranaense, acompanhado por dirigentes e torcedores, o árbitro foi orientado (isso é norma do departamento) a não conceder entrevistas.

E não só isto: a orientação do diretor do departamento de árbitros, Fernando Luiz Homann, é de que o trio não permita o acesso de nenhuma pessoa estranha no vestiário no dia do jogo. Se isto ocorrer, o próprio trio está sujeito a suspensão administrativa.