Ciciro Back
Allez Brazil, do Haras Belmont, vindo de
duas vitórias, autuará no GP Derby Paranaense.

Esta noite, no Tattersall da Associação de Criadores e Proprietários de Cavalos de Corrida do Paraná, haverá jogo de arremate para as corridas da tarde de amanhã, com destaque para o Grande Prêmio Derby Paranaense, prova do grupo 2, que vem sendo realizada desde 1942, quando o Jockey Club promovia corridas no antigo Hipódromo do Guabirotuba.

Não só pela retirada de apenas 20% e do added do Derby, que será revertido em apostas de arremate, espera-se elevado movimento, pois de um modo geral os oito páreos estão equilibrados, especialmente os quatro primeiros, reservado para produtos de dois anos, entre os quais vinte e quatro estreantes.

Apresentamos a seguir, nossas primeiras considerações sobre os oito páreos da tarde de amanhã, com início às 14h15.

Rei Romário e Bocaccio, pelo retrospecto, são as forças da prova de abertura, mas a estreante Queen Maud, também correrá com chance de vitória. Quenia Dancer não deve ser esquecida.

Django, que vem de segundo em Cidade Jardim, é o provável favorito da segunda prova, mas terá que correr muito para derrotar Solaia, Princess Jéssica e Bar Woman, este apesar de ter corrido pouco quando estreou em São Paulo. Pitombo também pode fazer boa figura.

Sete produtos de 2 anos estão inscritos na terceira prova, sendo cinco inéditos. La Motte, que conseguiu bom quarto lugar em São Paulo (3 1/4c), é a provável favorita, figurando Arisca, Quattrino e Setembro Chove, como forças imediatas.

Rocky Pesado, vindo de segundo na estréia, poderá ser o favorito da quarta carreira, na qual a estreante Jolie Artic também está muito cotada. Entre os demais poderemos destacar Family Pride, Que Fuego e Javanês.

Quicksilver Boy, vindo de três segundos, pode desencabular no quinto páreo da tarde de amanhã, figurando como principais adversários do pensionista de João Carlindo, Iaiá das Milhas e Qualili, que podem decidir a prova.

Heivoceaí e Brillo y Luz podem decidir a Prova Especial Jalmir Parolin, na qual também figuram com chance de vitória God Lovers, Vailand, Jaguar Super, Juanito Caminador e a parelha Linda Carol/Titto Skippa.

O Grande Prêmio Derby Paranaense promete difícil decisão. Cerutti, ganhador de três corridas na Gávea, pode ser o favorito, mas sem destaque, porque Belgrado ganhou duas em São Paulo e Ídolo também obteve dois triunfos, na Gávea, onde Buy It conseguiu vencer em seu último compromisso. Ainda entre os estreantes, no Tarumã, lembramos que Hey Willie venceu com impressionante facilidade o GP Cidade de Ponta Grossa. Entre os animais do turfe local, vamos destacar Petróleo e Ilbacioditosca.

Jangal Khan, vindo de uma série de colocações, é o grande nome da prova de encerramento, figurando como seus principais adversários Overmars, Kuña Pajé, Top Colony e Brown Point.