Criticado por improvisar jogadores em posições diferentes, o técnico Roberto Fonseca ironizou os críticos ao colocar o lateral-esquerdo Gleidson de ponta direita e provar que a modificação deu certo. Com a improvisação, o jogador marcou o segundo gol paranista na vitória sobre o Boa Esporte, por 2 a 0, e aliviou os torcedores paranistas na Vila Capanema.

Para o lateral, o fundamental é ele estar em campo para mostrar seu potencial. “Estou trabalhando forte e ajudei a equipe quando surgiu a oportunidade. Aonde o professor me colocar para jogar, vou me dedicar ao máximo”, disse Gleidson. Além do segundo tento paranista, o jogador provocou a expulsão de Marinho Donizete, deixando as equipes com o mesmo número de atletas em campo.

Destaque na vitória do Tricolor, o lateral-esquerdo espera comemorar ao final da competição. “Espero poder continuar nesse ritmo e, no final do ano, a gente possa estar feliz com o acesso”, ressaltou.