O Internacional decidiu cancelar a venda e uma camiseta polêmica lançada pelo site oficial do clube nesta quinta-feira. A peça, que provocava o Grêmio destacando que o Beira-Rio pertence ao Inter, já não pode mais ser encontrada para a compra. O clube, porém, ainda não se pronunciou oficialmente, nem afirmou se entregará os produtos já adquiridos.

Um mês antes da festa da inauguração oficial do Beira-Rio, o Inter lançou nesta quinta-feira uma linha de camisetas em homenagem ao estádio. Numa delas aparecia a pergunta: “Meu estádio é?”. E as seguintes opções de resposta: “Alugado”, “Próprio”, “Emprestado” e “Não sei”. A opção “Próprio” estava selecionada.

A provocação é direta ao Grêmio, que era dono do Estádio Olímpico mas fez uma parceria com a construtora OAS, que ergueu a nova Arena e é proprietária da mesma pelas próximas décadas. A obra do Beira-Rio, porém, foi possibilitada por empréstimos do BNDES por conta da Copa do Mundo. O governo municipal ainda vai ajudar com obras nos arredores do estádio e estruturas temporárias para o Mundial.

Tudo isso fez o Internacional ser bombardeado por críticas pelo lançamento da camisa, que foi retirada do site oficial. No dia 5 de abril, o clube fará um grande evento para o que chama de “Festa da Abertura” do Beira-Rio, que já está sendo utilizado pelo time do Inter com sua capacidade reduzida. A presidente Dilma Rousseff também já inaugurou oficialmente o estádio da Copa.