O técnico do Tottenham, Harry Redknapp, foi internado nesta quarta-feira e não viajou com o elenco para a Rússia, onde a equipe inglesa enfrenta o Rubin Kazan, pela Liga Europa, na quinta. De acordo com o próprio treinador, não há motivos para maiores preocupações e ele fará apenas exames de prevenção.

Há alguma semanas, Redknapp, de 64 anos, afirmou que estava sentido exaustão pelo ritmo de trabalho. A imprensa inglesa, no entanto, levantou a hipótese de um problema cardíaco, já que o treinador toma remédios para o coração há dois anos. O motivo da internação, no entanto, ainda não foi revelado.

Redknapp é técnico de futebol desde a temporada 1983/1984, quando começou no Bournemouth. Depois, passou por West Ham, Portsmouth e Southampton antes de chegar ao Tottenham, em 2009.

Na Liga Europa, o Tottenham é o líder do Grupo A, com sete pontos em três partidas, seguido pelo PAOK, da Grécia, com cinco. Nesta quinta-feira, a equipe inglesa será comandada pelo auxiliar Joe Jordan.