O líder do Campeonato Alemão segue imbatível. Neste sábado, o RB Leipzig venceu o Schalke 04 por 2 a 1, em casa, em partida válida pela 13.ª rodada, mantendo a invencibilidade e se garantindo na ponta isolada da competição.

Com o triunfo, o décimo no torneio, o RB Leipzig foi a 33 pontos, três a mais do que o Bayern de Munique, vice-líder, que na última sexta-feira venceu o Mainz por 3 a 1, fora de casa. Já o Schalke estacionou nos 17, na oitava posição, a sete pontos do sexto colocado Eintracht Frankfurt, o último na zona de classificação às competições europeias.

Antes de a bola rolar, torcida, atletas e arbitragem respeitaram um minuto de silêncio em homenagem às 71 vítimas no acidente aéreo na Colômbia com o avião que carregava a delegação da Chapecoense para a final da Copa sul-americana.

O jogo teve início com uma polêmica que resultou em gol. Aos 20 segundos, Werner se chocou com o goleiro Fahrmann, do Schalke, e a arbitragem marcou pênalti para o RB Leipzig. Os jogadores da equipe visitante reclamaram muito da marcação. O próprio jogador que provocou a penalidade cobrou e abriu o placar, aos 2 minutos.

Apesar da revolta com a marcação do pênalti, o Schalke buscou o empate ainda no primeiro tempo. Aos 31 minutos do primeiro tempo, Sead Kolasinac se aproveitou de rebote do goleiro Peter Gulacsi e empurrou a bola para o gol vazio.

No entanto, na segunda etapa, Kolasinac foi do céu ao inferno. Logo aos dois minutos após o intervalo, o defensor tentou cortar cruzamento e, de cabeça, mandou contra a própria meta, garantindo mais uma vitória ao líder do Alemão.

O Campeonato Alemão retorna no próximo final de semana, quando o time de Leipzig encara o Ingolstadt fora de casa, no sábado, e o Schalke 04 recebe o Bayer Leverkusen em Gelsenkirchen, no domingo. Antes, porém, o Schalke entra em campo na quinta-feira pela Liga Europa, contra o Salzburg, fora de casa.