As duas ginastas brasileiras ficaram longe do pódio na final da prova do individual geral, nesta sexta-feira, no Mundial de Roterdã, na Holanda. Entre as 24 finalistas, Jade Barbosa conseguiu a 15ª colocação e Daniele Hypólito terminou em 18º lugar. Enquanto isso, a russa Aliya Mustafina confirmou o favoritismo e conquistou a medalha de ouro.

Depois de terem ajudado a seleção brasileira a terminar em 10º lugar na disputa por equipes, Jade e Daniele não conseguiram grande performance na final do individual geral, prova em que soma a pontuação das ginastas nos quatro aparelhos. Jade, no entanto, ainda tem mais uma chance de medalha no Mundial: faz a final do salto neste sábado.

Com apenas 16 anos, Mustafina não teve problemas para confirmar seu favoritismo na final do individual geral, prova que já tinha liderado na fase de classificação do Mundial de Roterdã. Ela também comandou a Rússia no título por equipes e vai disputar medalha nos quatro aparelhos, todos com chances de subir ao pódio.

Na final desta sexta-feira, Mustafina somou 61,023 pontos para chegar ao título mundial no individual geral. A medalha de prata foi para a chinesa Jiang Yuyan, com 59,998. E o bronze ficou com a norte-americana Rebecca Bross, que fez 58,966.