A Itália surpreendeu negativamente ao perder por 1 a 0 para o Egito, quinta-feira, na segunda rodada do Grupo B da Copa das Confederações, mas os jogadores da seleção brasileira não acreditam que a equipe terá facilidade no duelo de domingo, em Pretória. Para Gilberto Silva, o confronto será complicado.

“Se trata de um clássico mundial. Sabemos da importância, independente da situação das duas equipes. Será uma partida disputada e estamos nos preparando para isso”, afirmou o volante, um dos jogadores mais experientes da seleção brasileira, apostando em um duelo complicado.

Já o lateral-direito Maicon acredita que a Itália entrará em campo querendo vingar a derrota por 2 a 0 em amistoso realizado em fevereiro. “A temperatura vai ser altíssima. Todos vão querer vencer. Eles vão estar a mil por hora. A gente sabe da força, eles querem vencer. Perderam em amistosos e não vão querer tropeçar de novo. A gente tem que neutralizar essa vontade deles”, comentou.