O Joinville visita o Vasco neste domingo, às 11 horas, no estádio do Maracanã, no Rio, pela 17.ª rodada, em briga direta contra o rebaixamento. As duas equipes estão entre os quatro piores do Campeonato Brasileiro, ambas somam apenas 12 pontos e precisam da vitória para começar uma reação, já que devem permanecer na degola por mais algumas rodadas – os times estão a cinco pontos de sair dela.

Apesar de ter vencido o Avaí em sua estreia na última rodada, o técnico PC Gusmão cogita fazer mudanças na equipe. Ele não confirmou a escalação do Joinville e manteve duas dúvidas na formação titular. A primeira está no meio de campo. Os volantes Kadu e Anselmo brigam por uma posição. No ataque, Edigar Junio foi testado no lugar de Marion.

“Conhecendo a forma que o Vasco vem jogando, a gente tem que estar forte na marcação e também na criação. Não adianta o time marcar e não jogar. Tenho algumas dúvidas ainda em relação à escalação e vou definir isso momentos antes do jogo”, comentou o treinador.

Além da preocupação com o Vasco, o Joinville também terá que lidar com o mau desempenho no horário das 11 horas. Neste Brasileirão, a equipe perdeu os dois jogos quando atuou pela manhã. Foi derrotado por 1 a 0 pelo Atlético Mineiro, em Belo Horizonte, e por 2 a 0 pelo Santos, também como visitante.