O J. Malucelli precisava vencer o já eliminado Adap Galo e torcer contra o Coxa para chegar à semifinais, mas nada deu certo. Jogando em casa, o Caçula não saiu do empate em 2 x 2 e disse adeus ao Campeonato Paranaense. Agora, resta a preparação para a Série C do Brasileirão, que começa em julho.

O Jotinha partiu para o ataque, mas foi surpreendido aos 24 minutos, quando Ratinho acertou um chute preciso e abriu o placar para o Galo. No finalzinho da 1.ª etapa, uma reação fulminante: Diogo completou cruzamento e empatou, aos 44, e dois minutos depois William, de cabeça, virou – foi o 13.º gol do vice-artilheiro do Estadual.

O Jotinha foi para o intervalo classificado, pois àquela altura o Coritiba empatava com o Toledo. Mas Keirrison pôs o Coxa à frente, resultado que já eliminava o Jota. Para piorar, o Galo fez 2 x 2 aos 18 minutos, quando Ratinho antecipou-se ao goleiro Roberson. Desanimado, o Jotinha não teve forças para passar à frente.

Campeonato Paranaensae

J. Malucelli 2 x 2 Adap Galo

J. Malucelli – Roberson; Cassiano, Leandro, Elton e Peixoto (Rodrigo); Carlinhos (Oliveira), Carlos Alberto, Cícero (Valdenir), Diogo e Willian; Bruno Batata e Danielzinho. Técnico: Leandro Niehues.

Adap Galo – Carlão, Daniel Marques, Alex Noronha, Dezinho e Bruno; Márcio Egídio, Fernandinho, Silvinho (Dodô) e Ratinho; Cristiano (Michel) e Fernando Gabriel. Técnico: Lio Evaristo.

Local: Ecoestádio Janguito Malucelli.

Árbitro: Jarbe Cassou.

Assistentes: Sérgio Aparecido Aléssio e Jean Paul Hessel Kuester.

Gols: Ratinho, 24?, Diogo, 44?, e William, 46? do 1.º tempo; Ratinho, 18? do 2.º tempo.

Cartões amarelos: Peixoto, Willian, Fernandinho e Silvinho.

Cartão vermelho: Fernando Gabriel.

Renda: R$ 1.836,00.

Público total: 143.