Juninho Pernambucano pode complicar ainda mais a situação do Vasco no Campeonato Brasileiro. O time, que está na zona de rebaixamento e disputa ponto a ponto para não cair, pode perder o jogador por algumas partidas por uma provocação feita em campo durante o clássico com o Flamengo, no Maracanã. Ao cobrar um escanteio, o meia imitou um gesto obsceno feito pela torcida organizada vascaína e irritou os rivais. Flagrado pela câmera de um celular, Juninho pode ficar de fora de até seis partidas.

“A primeira fere o Artigo 258-A, ‘provocar o público’, que pode tirar o jogador de duas a seis partidas do time”, esclareceu o procurador do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Paulo Schmitt. A denúncia ainda não foi feita, mas isso, segundo Schmitt, é questão de tempo. “Tivemos acesso as imagens via internet. Elas foram solicitadas e até o fim da semana o jogador deve ser denunciado.”

Juninho também pode responder por uma entrada violenta em Paulinho, do Flamengo. “Foi na mesma partida, então deve ser denunciado junto. Até a semana que vem já saberemos sobre o julgamento’, disse. O caso se encaixa no Artigo 254, que se refere a jogadas violentas, e tem pena de uma até seis partidas de suspensão.

No momento do lance, o meia do Vasco foi advertido somente com um cartão amarelo. Vale lembrar que na próxima partida do time, o clássico contra o Fluminense que será disputado em Florianópolis, Juninho cumpre suspensão automática e não entra em campo.