O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, afirmou nesta segunda-feira que mais nenhum jogador do São Paulo será negociado até o final do Campeonato Brasileiro. O dirigente esteve presente em evento realizado no Morumbi, no qual foi lançado o projeto de construção de uma academia no anel inferior do estádio, com previsão de abertura para março do ano que vem.

“Posso garantir que a equipe será a mesma até o final do campeonato”, afirmou Juvenal. “O mercado não está bem e os preços estão muito baixos. O Hernanes vale 25 milhões de euros [cerca de R$ 65 milhões], e só ofereceram 11 milhões por ele. Não posso me livrar de um jogador de grande importância por um valor deste.”

No começo do mês, o São Paulo negociou o volante Eduardo Costa com o Monaco, da França. O jogador, segundo Juvenal, foi “muito bem vendido”, e não estava nos planos do time. O zagueiro Miranda também era cotado para uma possível transferência à Europa e, recentemente, o meia Hugo recebeu uma proposta do Sporting Lisboa, de Portugal.

CONTRATAÇÕES – Se por um lado nenhum jogador será vendido, o São Paulo também não terá reforços. De acordo com Juvenal, o técnico Ricardo Gomes terá de trabalhar com o que tem para o restante do Brasileirão. Mesmo assim, o dirigente disse confiar no potencial do time para conquistar o sétimo título da competição.