Depois de ser eliminada pelo Fulham nas oitavas de final da Liga Europa, na última quinta-feira, a Juventus agravou ainda mais a sua crise neste domingo, ao ser derrotada também pelo Campeonato Italiano. Fora de casa, em Gênova, o time de Turim caiu por 1 a 0 para a Sampdoria, que entrou de vez na briga por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

A derrota no fechamento da 29.ª rodada fez a Juventus ser superada na tabela justamente pela Sampdoria, que foi a 47 pontos. Agora, a equipe de Gênova aparece com a mesma pontuação do quarto colocado Palermo, na quinta posição, a um posto da zona de classificação à Liga dos Campeões. Já o clube de Turim permanece com 45 pontos e caiu para sexto na tabela.

A partida deste domingo foi a prova de que os brasileiros Diego e Felipe Melo atravessam um momento complicado na Juventus. O meia, que fez um pênalti na goleada por 4 a 1 sofrida para o Fulham, começou como titular, mas foi substituído no segundo tempo. Já o volante da seleção brasileira nem entrou em campo, ficando apenas no banco de reservas.

Sem Felipe Melo, a Juventus sofreu o gol que valeu a derrota para a Sampdoria aos 32 minutos da etapa complementar. O atacante Cassano arriscou uma jogada ousada e se deu bem. Da intermediária, ele viu o goleiro Chimenti adiantado e chutou por cobertura. O arqueiro do time de Turim ainda chegou a tocar na bola, mas não conseguiu evitar o gol.