Foto: Valquir Aureliano/Tribuna

Keirrison está recebendo toda atenção da comissão técnica para voltar com tudo e reassumir a 9.

Muito carinho nessa hora!

É assim que o Coritiba está tratando a volta do atacante Keirrison. Após ficar quase todo o ano passado no estaleiro devido a um rompimento do ligamento cruzado do joelho direito, o jogador do Coritiba está sendo preparado para entrar aos poucos no time. Tudo para que ele possa readquirir a velha forma e, principalmente, a confiança necessária para jogar o futebol que sabe. Por isso, o craque terá que começar o Paranaense no banco, mas com o planejamento pronto para ele reassumir a camisa 9 assim que estiver pronto.

?Ele é um jogador que nós estamos tratando com muito carinho para poder levá-lo ao ponto ideal, mas ele está muito longe daquilo que pode render?, revela o técnico Gilberto Pereira. De acordo com o treinador, as conversas entre Keirrison, de apenas 18 anos, e a comissão técnica estão sendo diárias para o acompanhamento ser o mais próximo possível. ?Ele está sentindo uma dificuldade muito grande de ambiente, de espaço, de jogar de costas?, explica. O próprio treinador já disse que o jogador está se irritando um pouco consigo mesmo por não estar conseguindo ainda fazer aquilo que quer com a bola.

Por isso, ainda não há uma previsão de tempo para ele voltar a ser titular da equipe. ?Ele é um jogador que nós vamos ter um carinho muito grande para esperar e dar o tempo ideal para ele entrar bem?, avisa. Tudo porque o atacante é um jogador diferenciado e uma das principais revelações do clube nos últimos anos. ?Nós não podemos lapidar um tesouro tão grande como esse de qualquer forma, de qualquer jeito. Vamos com equilíbrio, com calma e é assim que ele vai entrar na equipe, nos momentos certos?, destaca.

Retrospecto

Após arrasar na Copa São Paulo do ano passado, Keirrison logo foi promovido ao time principal, onde se destacou com jogadas e gols de craque. A trajetória ascendente, no entanto, parou no dia 12 de fevereiro do ano passado. O jogador recebeu uma entrada violenta e acabou rompendo os ligamentos cruzados do joelho direito. Operado, acabou ficando de fora de toda a temporada e não conseguiu ajudar a equipe a buscar a vaga de volta na Série A do Campeonato Brasileiro.

Pelo menos cinco caras novas

O Coritiba terá cinco estréias para enfrentar o Rio Branco na abertura do Campeonato Paranaense, às 18h30 de amanhã, no Pinheirão. O goleiro Marcelo Bonan, o zagueiro Ozéia, o lateral China e os volantes Túlio e Juninho são as primeiras caras a se apresentarem para a torcida nesse início de temporada.

A documentação do também volante Marcos Mendes ficou pronta e ele já está inscrito e apto a jogar. Hoje, o elenco faz apenas um trabalho recreativo no CT da Graciosa antes do confronto contra o Leão da Estradinha.

A principal preocupação do técnico Gilberto Pereira era a bola alta do Rio Branco. Por isso, ele sacou Adriano da equipe e pôs Leandro para formar a zaga com Henrique e Ozéia. ?Eu já tive algumas observações do Rio Branco, eles têm jogadores altos e até mesmo no último treino que fizeram, contra o Juventus, dois gols foram bolas pelo alto e a gente tem que se precaver disso?, analisou o treinador. No trabalho de ontem no Pinheirão, Gilberto cobrou dos atletas uma maior dedicação para evitar cruzamentos e com adversários livres na área.

O time, por sua vez, está praticamente definido.

O volante Marcos Mendes perdeu a posição durante a semana, por estar com a papelada pendente, para Juninho. Este, no entanto, torceu o tornozelo ontem e virou dúvida. Caso não possa atuar, Mendes entrará na equipe e também fará a estréia após o ASA/AL ter liberado os documentos necessários para o Alviverde registrá-lo.

O restante da equipe é o mesmo que trabalhou durante a semana e forma com Marcelo Bonan; Henrique, Ozéia e Leandro; China, Túlio, Juninho (Marco Mendes), Marlos e Carlão; Ânderson Gomes e Hugo.