Contratado no início de 2011, o meia Kerlon vive a expectativa de atuar no Campeonato Brasileiro. Recuperado de lesão, o meio-campo paranista confessou estar ansioso para jogar, além de ter duas metas na competição. “Estou treinando faz duas semanas (na intertemporada) de manhã e na parte da tarde. Acabei melhorando minha forma física e estou muito melhor. Jogador vive de partidas consecutivas e estou ansioso para poder jogar”, afirmou.

O “foquinha” aproveitou para analisar a Série B, dizendo que é um torneio duro. “É complicado mesmo. Os jogos são mais força, mais pegada. Mas nos habituando com os primeiros jogos, logo entramos no eixo”, declarou.

Apesar de ser um campeonato longo, Kerlon disse que os novos reforços estão vindo para somar. “Chegaram jogadores novos e de alta qualidade.O meio-campo está cheio de gente nova e hoje temos um grupo de verdade, competitivo. Vamos tirar um bom proveito no Brasileirão”.

Além de demonstrar um bom futebol, o atleta tricolor admitiu que possui dois objetivos até o final de 2011. “Quero jogar e dar alegrias para o torcedor. Subir com o Paraná, pois é um lugar que o Clube nunca deveria ter saído, fora outra meta pessoal”, confessou ao falar sobre a vontade de amrcar entre oito e 10 gols na Série B.

Questionado se continuará atuando com a camisa azul, vermelha e branca – já que seu contrato expira em agosto -, Kerlon deixou claro. “A minha vontade é de ficar até final do ano. Já falei isso para a diretoria”, finalizou.