Uma atitude que chamou a atenção durante a semana na preparação do Palmeiras para a partida contra o Joinville, neste sábado, no Pacaembu, pela 34ª rodada da Série B, foi o fato do técnico Gilson Kleina fechar os últimos dois treinamentos na Academia de Futebol e realizar a atividade sem a presença da imprensa. Nesta sexta-feira, ele explicou que tomou tal atitude buscando maior privacidade com o elenco.

“Estamos decidindo um título e temos alguns jogadores que criaram dúvidas, como Luis Felipe e Valdivia. Vou dar uma mexida na equipe e resolvi fechar para ter mais privacidade. Essa é uma semana diferente. Fizemos algumas variações, mas não vai fugir muito do que a gente já faz normalmente”, disse o treinador, que em seguida confirmou ausência do lateral Luis Felipe, que se recupera de uma canelite. Ele também avisou que Valdivia vai jogar.

Eguren e Alan Kardec estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo, enquanto Charles, Vilson e Mendieta continuam fora, se recuperando de lesão. Uma das novidades para o jogo de sábado pode ser o lateral-direito Bruno Oliveira, que fez apenas um jogo pelo time principal, no ano passado.

“Vamos enfrentar um adversário que luta pelo G-4 e temos de ter concentração total do início ao fim”, explicou Kleina, que como esperado, não quis antecipar qual deve ser a formação inicial, mas a tendência é que o time vá a campo com Fernando Prass; Bruno Oliveira (Wendel), Henrique, André Luiz e Marcelo Oliveira; Márcio Araújo, Wesley e Valdivia; Ananias (Serginho), Leandro e Vinícius.

A lista dos 21 jogadores relacionados para o jogo tem os seguintes nomes:

Goleiros: Fernando Prass e Bruno.

Laterais: Wendel, Juninho, Fernandinho e Bruno Oliveira.

Zagueiros: Henrique, André Luiz e Tiago Alves.

Volantes: Márcio Araújo, Wesley, Marcelo Oliveira e Renatinho.

Meias: Valdivia, Felipe Menezes, Serginho e Ronny.

Atacantes: Leandro, Vinicius, Ananias e Caio.