O técnico Emerson Leão retornou nesta sexta-feira (14) de Dubai, onde foi conhecer a estrutura de um clube que desejava contratá-lo, e amanhã se reunirá com dirigentes do Santos para definir os últimos detalhes de seu contrato com o Santos.

O clube procurou outros treinadores, entre eles Carlos Bianchi, um dos maiores vencedores de títulos de Libertadores, Abel Braga e Dorival Júnior. Bianchi está com problemas de doença na família e não deve retornar tão cedo ao futebol.

Abel Braga recebeu um adiantamento do Internacional para comprar um imóvel em Porto Alegre, e o Santos teria de pagar mais de R$ 500 mil ao clube gaúcho para tirar o treinador de lá.

Leão deverá voltar ao clube para usar jogadores da base, como o lateral-esquerdo Carleto, os volantes Adriano e Dionísio e os atacantes Renatinho e Moraes.

Luxemburgo preferiu apostar em promessas do Iraty, pequeno clube do interior do Paraná, e quando teve que escalar garotos, reclamou que na atual geração não há nenhum Robinho ou Diego. Agora, o Santos voltará à realidade de pés-no-chão e deve deixar de ser o novo rico visto desde a venda de Robinho e companhia.