O lateral-esquerdo Léo tem tudo para chegar a uma marca histórica pelo Santos nesta quarta-feira. Recuperado de uma lesão na coxa esquerda, o jogador ainda conta com a suspensão de Pará para voltar a ser titular da equipe na partida contra o Internacional, na Vila Belmiro, em jogo atrasado da 16.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Se o técnico Vanderlei Luxemburgo confirmar sua escalação, Léo completará 300 jogos pelo Santos.

Para o jogador, o momento promete ser especial. “Completar os 300 jogos será um prazer imenso. O Santos foi a equipe que me projetou e me deu tudo. Fico muito feliz em atingir esta marca, que é difícil de alcançar. Eu só tenho a agradecer ao clube por tudo que passei aqui e pela forma como fui recebido quando voltei da Europa. É uma história linda aqui, que eu espero que continue”, disse Léo.

O lateral-esquerdo está em sua segunda passagem pela Vila Belmiro. Na primeira, entre 2000 e 2005, Léo foi bicampeão brasileiro com o Santos, se transferindo depois para o Benfica, de Portugal. De volta da Europa no início do ano, o ídolo santista tem sofrido com seguidas contusões, e por isso só atuou em 19 partidas até agora, que se somam às 280 disputadas no início de sua trajetória no clube.

Mesmo com a expectativa de atingir a marca histórica, Léo disse que mantém o foco por uma vitória contra o Inter. “O mais importante será conseguir os três pontos, que serão fundamentais para tentar dar uma arrancada rumo ao nosso objetivo no Brasileirão. É um jogo difícil, pois eles são nossos concorrentes diretos, que respeitamos muito. Mas o Santos tem a obrigação de buscar o resultado em casa.”

O Santos chega para o jogo desta quarta-feira na 11.ª posição do Brasileiro, com 28 pontos. O Inter, ainda com dois jogos a menos, é o quinto colocado, somando 33 pontos. Se vencer, a equipe de Luxemburgo ganhará apenas uma posição na tabela, mas chegará a 31 pontos, ficando a três do Avaí, primeiro time na zona de classificação para a Copa Libertadores.