Atual vice-campeão da NBA, o San Antonio Spurs segue em grande fase nesta temporada 2013/2014 da liga de basquete dos Estados Unidos. O time conquistou a sua 11ª vitória consecutiva na competição ao bater o New Orleans Pelicans por 112 a 93, em casa, na rodada desta segunda-feira, e se garantiu na liderança da Conferência Oeste, na qual agora acumula 13 triunfos e apenas uma derrota.

O Spurs confirmou o seu favoritismo com tranquilidade ao contar com boa atuação coletiva, pois sete jogadores marcaram ao menos dez pontos cada um. Entre eles, o pivô brasileiro Tiago Splitter atuou por apenas pouco mais de 13 minutos, mas fez 11 pontos, apanhou seis rebotes e deu uma assistência.

O cestinha da equipe de San Antonio, por sua vez, foi o argentino Manu Ginóbili, com 16 pontos, que saiu do banco de reservas e jogou por 19 minutos, nos quais ainda pegou cinco rebotes e fez seis assistências.

Para completar, o Spurs ainda teve Tony Parker e Marco Belinelli com 14 pontos cada um, Boris Diaw com 13, Patty Mills com 12 e Tim Duncan contabilizando 10. Deste grupo, o francês Parker ainda se destacou com sete assistências. Já Kevin Leonard exibiu força no garrafão com 11 rebotes, sendo nove deles defensivos.

Pelo lado do time de New Orleans, que amarga a antepenúltima posição da Conferência Oeste, Ryan Anderson se garantiu como cestinha da partida ao somar 17 pontos, enquanto Tyreke Evans e Jrue Holiday fizeram 12 cada um.

Outro brasileiro que esteve em quadra na rodada desta segunda-feira na NBA foi Vitor Faverani. Ele ajudou o Boston Celtics a bater o Charlotte Bobcats por 96 a 86, fora de casa, onde a franquia de Massachusetts obteve o seu sexto triunfo em 16 confrontos na competição.

Faverani atuou por apenas 13 minutos, tempo em que acumulou cinco pontos, dois rebotes e uma assistência pela sua equipe, que teve Jordan Crawford como cestinha com 21 pontos. Gerald Wallace, com 17, veio logo atrás. Já pelo Bobcats, Kemba Walker foi o maior pontuador do jogo, com 28, e Gerald Henderson fez 20.

LEBRON EMPURRA O HEAT – Se o Spurs segue embalado, o Miami Heat, atual bicampeão da NBA, obteve a sua 11ª vitória em 14 jogos nesta edição da liga ao derrotar o Phoenix Suns por 107 a 92, em casa. Com isso, se manteve na vice-liderança da Conferência Leste, liderada pelo Indiana Pacers, que nesta mesma rodada de segunda-feira superou o Minnesota Timberwolves por 98 a 84, também em seus domínios, e passou a acumular 13 vitórias e apenas uma derrota.

LeBron James, com 35 pontos, cinco rebotes e quatro assistências, foi o grande nome do triunfo do Heat, que ainda teve Dwyane Wade brilhando com um “double-double” de 21 pontos e 12 assistências.

BULLS PERDE MAIS UMA – Sem poder contar com o armador Derrick Rose, que está fora do resto da temporada da NBA depois de ter operado o joelho direito na última segunda, o Chicago Bulls amargou sua segunda derrota expressiva consecutiva. No mesmo dia em que o seu com principal astro passou pela cirurgia, a equipe caiu diante do Utah Jazz, pior time desta temporada, por 89 a 83, fora de casa.

Apesar de ter atuado longe de seus domínios, o Bulls foi superado por um rival que obteve nesta última rodada apenas a sua segunda vitória em 16 partidas e figura na lanterna na Conferência Oeste. Antes deste duelo, no primeiro jogo sem Rose após o atleta se lesionar, a equipe de Chicago foi arrasada pelo Los Angeles Clippers por

39 pontos de diferença.

Confira os resultados da rodada de segunda-feira na NBA:

Charlotte Bobcats 86 x 96 Boston Celtics

Indiana Pacers 98 x 84 Minnesota Timberwolves

Detroit Pistons 113 x 94 Milwaukee Bucks

Miami Heat 107 x 92 Phoenix Suns

Memphis Grizzlies 86 x 93 Houston Rockets

Dallas Mavericks 96 x 110 Denver Nuggets

San Antonio Spurs 112 x 93 New Orleans Pelicans

Utah Jazz 89 x 83 Chicago Bulls

Portland Trail Blazers 102 x 91 New York Knicks

Confira os jogos desta terça-feira:

Toronto Raptors x Brooklyn Nets

Washington Wizards x Los Angeles Lakers

Atlanta Hawks x Orlando Magic

New Orleans Pelicans x Golden State Warriors