A Liga Nacional de Basquete (LNB) lamentou nesta quarta-feira, por meio de nota oficial, a briga generalizada ocorrida ontem em Xuchang entres jogadores do Brasil – representado pelo Joinville – e a seleção da China, e criticou a atitude dos anfitriões da partida, ao classificá-la como “covarde”.

“A LNB se solidariza com a equipe de Joinville, que dias antes conquistou uma vitória histórica em solo chinês, representando dignamente o basquetebol brasileiro e a tradição da equipe joinvilense, conhecida, antes de tudo, pela ética e pelos princípios do fair play, demonstrados na sua escolha para representar o Brasil”, diz o comunicado.

A entidade acrescentou que “espera que fatos covardes como estes protagonizados pela seleção chinesa sejam veementemente repudiados pelos organismos que administram o basquetebol em nível mundial e que medidas severas sejam adotadas no sentido de coibir tais ações”.

O incidente ocorreu na noite de terça-feira, quando as duas equipes disputavam o terceiro de uma série de três amistosos: a China havia vencido o primeiro e os brasileiros levaram a melhor no segundo. Pouco depois do início do jogo, grande parte dos jogadores e técnicos de ambas equipes partiram para a briga e começaram a distribuir socos e pontapés.