Aliocha Maurício
Hélio Cury lançou edital com prazo até 4 de abril pra retirarem credenciais pra assembléia-geral.

A guerra na eleição para a Federação Paranaense de Futebol (FPF) já chegou aos tribunais. Respaldada pela chapa de Rafael Iatauro, a Liga de Futebol de Pinhais anunciou que entrará com liminar no Tribunal de Justiça do Paraná pedindo mudanças no edital de convocação do pleito.

O edital, lançado na última semana pelo presidente da FPF e candidato à reeleição Hélio Pereira Cury, determina que os clubes e ligas com direito a voto têm até 4 de abril para retirarem suas credenciais. Só com esta autorização eles poderão a participar da assembléia-geral ordinária que elegerá o presidente da entidade no dia 18.

Alberto Mehechuki
Turma de Iatauro pede o cumprimento do estatuto da FPF.

?A medida fere o estatuto da Federação?, reclama o candidato da oposição. O artigo 6.º do estatuto determina que os votantes podem pedir a credencial até 48 horas antes da eleição.

Para membros do grupo de Iatauro, a antecipação da data dificulta a votação de ligas e clubes do interior, já que seus representantes teriam que se deslocar duas vezes até a capital. A liminar pede ainda que o edital explique quais ?requerimentos  dministrativos? são necessários para o credenciamento.