Oitenta e seis gols em um ano. Lionel Messi, 25, marcou dois tentos na partida entre Betis e Barcelona, hoje, pela 15ª rodada do Campeonato Espanhol. Com a vitória por 2 a 1 o Barcelona chegou aos 43 pontos e é líder isolado.

O argentino ultrapassou, depois de 40 anos, a marca do alemão Gerd Müller, que balançou as redes 85 vezes em 1972, quando defendia o Bayern de Munique e a seleção da então Alemanha Ocidental.

Aos 16min do primeiro tempo em Sevilha, o camisa 10 do Barça invadiu a área, deixou dois adversários para trás e bateu cruzado. Junto de seus companheiros, comemorou o 85º gol do ano e precisou de apenas mais 10 minutos para quebrar a marca de Müller.

Uma bela jogada deu origem ao gol número 86. Messi avançou pela esquerda e tabelou com Iniesta, que ajeitou de calcanhar para o argentino se tornar o maior artilheiro do futebol mundial em um ano.

Em 2012, Messi anotou 12 gols pela seleção argentina e 74 com a camisa do Barcelona -56 deles em jogos do Espanhol.

No mês passado, ele já havia batido o recorde de gols no ano de Pelé -em 1958, o rei do futebol anotou 75 tentos.