Se Paulo Henrique Ganso roubou a cena na vitória sobre o XV de Piracicaba por 3 a 1 na última quarta-feira, Luis Fabiano foi um dos principais beneficiados com a entrada do meia no segundo tempo: recebeu uma assistência açucarada para virar o jogo e repetiu a dose no lance que gerou o pênalti do terceiro gol.

Com o tento desta quarta, Luis Fabiano chegou a seis no Campeonato Paulista e está a um de Henrique, da Lusa, na briga pela artilharia. Além dos gols, o jogador tem se destacado pelo condicionamento físico e ganhou elogios de Muricy Ramalho. Feliz com o bom momento, ele admite que se sente mais inteiro e diz que as dores que o perseguiram em 2013 desta vez não estão incomodando.

“Estou me sentindo bem melhor que nos anos anteriores. Jogar sem dor é quase impossível, mas esse ano estou sendo feliz nos jogos e me sentindo bem. Tinha muitas dores onde operei e isso limitava muito meus movimentos nos treinos e jogos, não conseguia completar nada. Neste ano as dores estão me respeitando, felizmente. Já que o lema aqui é trabalho, vamos trabalhar para ter um ano legal”, disse o jogador.

Segundo Muricy Ramalho, Luis Fabiano evoluiu à medida que entendeu a importância dos treinamentos. Ele não perdeu nenhuma atividade neste ano, foi poupado apenas contra a Ponte Preta por precaução e tem recebido cuidados especiais que vêm surtindo efeito.

“Não houve grandes mudanças. Estamos fazendo um trabalho específico de fortalecimento e o legal é que fazendo as coisas sem dor é muito prazeroso. Ano passado tive muitas lesões e não conseguia terminar os treinos. Esse ano o legal é que to fazendo tudo com tranquilidade, sem qualquer tipo de dor.”

PATO MARCA EM JOGO TREINO – Os reservas fizeram um jogo treino contra o Nacional no CT da Barra Funda e Pato marcou um dos gols na goleada por 4 a 1 – Ademilson, Fabrício e Cañete completaram o marcador. Ganso jogou parte do tempo e mostrou boa movimentação na atividade. Os titulares fizeram um trabalho regenerativo na piscina.