O técnico Vanderlei Luxemburgo tem trabalho duplo no Flamengo. Primeiro, fazer a equipe jogar um futebol vistoso, a ponto de manter-se invicta até esta 15.ª rodada. Depois, manter o elenco com os pés no chão, não deixando que a confiança cresça a ponto de prejudicar o time. Novo desafio é neste sábado, contra o Coritiba, no Engenhão.

“Vamos fazer da mesma forma que fizemos com o Grêmio. Depois do jogo com o Santos, que foi falado no mundo todo, fomos pegar o Grêmio em casa e o jogo teve que ser muito pensado e trabalhado. Agora é o Coritiba. A gente tem que saber que precisa do resultado e que vai ser difícil achar espaço para fazer o gol”, disse o comandante flamenguista.

Luxemburgo também elogiou a equipe paranaense para reforçar a importância do jogo deste sábado. “Temos que saber que o Coritiba tem uma grande equipe. Não chegou à final da Copa do Brasil pedindo favor, foi por competência”, comentou.

Nesta sexta-feira, os titulares do Flamengo realizaram um treino regenerativo, enquanto os reservas trabalharam a parte técnica. Recuperado de lesão, o volante Luiz Antônio voltou a treinar com bola. Promovidos da base, o meia Adryan, o lateral Digão, e os atacantes Thomás e Yguinho participaram da atividade junto aos suplentes.