Em uma temporada em que nada deu certo, o Barcelona deu mais uma vexame neste domingo (11). Jogando em casa, pela 37ª rodada do Campeonato Espanhol, o time da Catalunha foi derrotado de virada pelo Mallorca por 3 a 2, depois de estar vencendo por 2 a 0.

Com 64 pontos, em terceiro lugar na tabela, 18 atrás do rival e já campeão Real Madrid, o Barcelona pode levantar as mãos aos céus por fazer a última partida da temporada bem longe do estádio Nou Camp, contra o já rebaixado Murcia. Alguns jogadores, como o português Deco, o camaronês Samuel Eto’o e o francês Thierry Henry, e o presidente Juan Laporta foram os alvos dos revoltados torcedores, que os vaiavam a todo momento.

Nem mesmo os gols de Henry, aos 16 minutos do primeiro tempo, e de Eto’o, aos 10 da segunda etapa, aliviaram a situação. O Mallorca conseguiu o empate em três minutos, com Valero e Webo, e virou o jogo, aos 45, com Güiza. Foi o suficiente para mais vaias da torcida.

Os únicos que se salvaram da ira dos torcedores foram o atacante argentino Lionel Messi e o técnico holandês Frank Rijkaard, que não continuará mais no comando, será substituído pelo ex-jogador Josep Guardiola, mas foi aplaudido mais pelo trabalho realizado em cinco anos no clube.

Em Zaragoza, o Real Madrid empatou com a equipe da casa por 2 a 2, Robinho fez um para o time da capital e Ricardo Oliveira marcou para os mandantes, mas o destaque da rodada foi a classificação do seu rival na capital espanhola, o Atlético, à Liga dos Campeões da Europa. Com a vitória sobre o La Coruña por 1 a 0, no estádio Vicente Calderón, o time de Madri volta à principal competição européia de clubes após 11 anos

Confira os outros resultados deste domingo:

Betis 0 x 2 Sevilla

Valladolid 0 x 0 Getafe

Almería 0 x 2 Recreativo Huelva

Villarreal 2 x 0 Espanyol

Levante 1 x 5 Valência

Osasuna 2 x 1 Murcia

Athletic Bilbao 0 x 0 Racing Santander