O técnico Mano Menezes mostrou nesta segunda-feira que deverá fazer mudanças na seleção brasileira para o decisivo jogo contra o Equador, na quarta, pela última rodada da fase de grupos da Copa América.

Mano iniciou o treino tático desta segunda com a formação que mandou a campo no empate com o Paraguai, no sábado. Mas, no decorrer da atividade, testou Maicon na lateral direita, no lugar de Daniel Alves, e deu nova chance a Robinho, que substituiu Jadson.

O trabalho teve duração de 25 minutos e foi seguido de um treino de finalizações. O atacante Fred se destacou ao mostrar bom aproveitamento nos chutes de fora da área e nas cobranças de pênaltis.

Se confirmar o retorno de Robinho, o treinador retomará a formação mais ofensiva que empatou com a Venezuela, na estreia. O atacante jogaria ao lado de Pato e Neymar, sob a armação de Paulo Henrique Ganso. Jadson voltaria ao banco de reservas após formar dupla de armação com Ganso diante do Paraguai.

Maicon, por sua vez, poderá ganhar sua primeira chance na equipe titular de Mano. O lateral foi titular absoluto sob o comando de Dunga na frustrada campanha brasileira na Copa do Mundo. O jogador poderá reassumir a posição por conta do erro cometido por Daniel Alves na jogada que gerou o segundo gol paraguaio no sábado.