Marcelo Oliveira dispensou o mistério nesta sexta-feira e antecipou o time do Cruzeiro na partida contra o ameaçado Botafogo, domingo, no Mineirão. O técnico afirmou que contará com força máxima na equipe mineira, que está na briga pelos dois títulos em disputa neste fim de ano, no Brasileirão e na Copa do Brasil.

Depois do treino desta tarde, Marcelo Oliveira confirmou que Marquinhos voltará ao time para substituir Willian, afastado para se recuperar de uma fratura na costela. “O Marquinhos volta, sim. O Marcelo Moreno treinou e treinou bem hoje. Ele está à disposição e deve jogar. Só vai sair quem estiver alguma objeção dos departamentos de fisiologia e médico. Fora isso, joga o time completo”, revelou.

Desta forma, o Cruzeiro deve entrar em campo com Fábio; Mayke, Dedé, Leo e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Everton Ribeiro, Ricardo Goulart e Marquinhos; Marcelo Moreno. A escalação da força máxima surpreende porque o time mineiro enfrentará novamente o Santos, na próxima quarta, pelo jogo da volta das semifinais da Copa do Brasil.

O treinador justificou a presença de todos os titulares ao lembrar da importância do confronto com o Botafogo, desesperado para se afastar da zona de rebaixamento. “Esse jogo contra o Botafogo é fundamental. A dificuldade é que enfrentaremos um time de tradição, de camisa, e muito bem comandado pelo [Vagner] Mancini. A cada rodada que buscarmos uma vitória, estaremos encurtando o caminho para o nosso objetivo maior”.

Marcelo Oliveira está preocupado com a sequência irregular da equipe mineira no Brasileirão. O Cruzeiro venceu apenas uma das últimas cinco partidas disputadas na competição. Mesmo assim, segue com cinco pontos de vantagem sobre o vice-líder São Paulo.