O atual campeão Marcos Daniel estreou bem nesta terça-feira no saibro do Challenger de Bogotá, na Colômbia. Cabeça de chave número 3 da competição, o brasileiro venceu o espanhol Fernando Vicente por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 6/4. A vitória classificou o tenista para as oitavas de final do torneio, onde terá pela frente o colombiano Eduardo Struvay, que eliminou o argentino Mariano Zabaleta.

Outro brasileiro também se deu bem nesta terça em Bogotá. Ricardo Hovecar fez um jogo duro contra o argentino Mariano Puerta, mas conseguiu ganhar nos tie-breaks. Após 1h43 de partida, Hocevar venceu por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 7/6 (7/3). Nas oitavas, ele também vai encarar um tenista local: Alejandro Falla, que passou pelo canadense Peter Polansky.

Mas se Marcos Daniel e Hocevar avançaram, outros dois brasileiros não tiveram a mesma sorte no challenger colombiano. Ricardo Mello batalhou por quase duas horas com Victor Estrella, da República Dominicana, mas acabou derrotado por 2 sets a 1 (6/4, 4/6 e 7/5). Já André Miele caiu para o argentino Diego Alvarez, perdendo por 2 a 0 (6/4 e 6/1).

CONFRONTO BRASILEIRO – Ainda nesta terça, mas pelo Challenger de Rimini, na Itália, dois tenistas do País se enfrentaram. Franco Ferreiro surpreendeu Thiago Alves, atual número 1 do Brasil e primeiro cabeça de chave da competição, e venceu por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 6/1. Com a vitória, Ferreiro se credenciou para enfrentar o alemão Dieter Kindlmann nas oitavas do saibro italiano.