O volante Wendel disse nesta quarta-feira que pretende seguir o exemplo do seu ídolo, o ex-goleiro Marcos, e encerrar a carreira no Palmeiras. O jogador de 31 anos tem sido improvisado na lateral esquerda no lugar de Juninho e, com o contrato para acabar no fim do ano, afirmou que quer estender o vínculo com o clube.

Contra o ASA, nesta terça-feira, Wendel foi um dos destaques do time ao dar passe o para o gol de Wesley, o segundo da vitória por 3 a 0 no Pacaembu. A boa atuação o faz até esquecer momentos ruins vividos no clube. “Estou há 11 anos no Palmeiras e já passei por várias fases, como de campeão, até brigar para não cair. Já fui titular, reserva e até treinei separado do grupo”, contou.

Fora esse histórico, o que motiva Wendel é a chance de atuar pelo time em 2014, ano do centenário do clube, e no novo estádio. “Estou conversando com o presidente (Paulo Nobre) e a renovação está em andamento. Tenho o carinho da diretoria e da torcida. Amo o clube”, afirmou. O longo vínculo do volante com o Palmeiras, porém, não foi ininterrupto e ele já esteve emprestado para times como Santos, Goiás, Atlético-PR e Ponte Preta. “Quero terminar minha carreira aqui até para ser como o Marcos”, disse.