O espanhol Marc Márquez se tornou neste domingo (10) o primeiro estreante a vencer o campeonato da MotoGP em 35 anos ao conservar a vantagem com que chegou para a etapa de Valência, a última da temporada 2013. Além disso, aos 20 anos, se tornou o mais jovem piloto a faturar o título da categoria.

O novo campeão da MotoGP terminou a corrida em terceiro lugar com a sua Honda, duas posições atrás do compatriota Jorge Lorenzo, que era o atual campeão da MotoGP, o que foi suficiente para assegurar a sua conquista.

Márquez tinha uma vantagem de 13 pontos para Lorenzo antes da disputa da 18ª e última prova do campeonato e só precisava terminar a prova deste domingo nas quatro primeiras colocações para ser campeão.

O espanhol Dani Pedrosa, companheiro de Márquez na Honda, completou a prova na segunda colocação após uma acirrada disputa com Lorenzo pela liderança. O último estreante a conquistar o título havia sido o norte-americano Kenny Roberts em 1978.

Márquez ganhou o título das 125 cilindradas em 2010 e foi campeão da Moto2 no ano passado, antes de ingressar na mais importante categoria de motociclismo do mundo. Esta foi a terceira vez que Lorenzo terminou o campeonato da MotoGP em segundo lugar.

Márquez encerrou a sua participação no campeonato com 334 pontos, seis vitórias e 16 pódios em 18 provas. Lorenzo, o vice-campeão, com 330 pontos, ganhou duas provas a mais. Pedrosa, por sua vez, ficou em terceiro lugar na classificação geral, com 300 pontos.

A corrida deste domingo no Circuito Ricardo Tormo, em Valência, foi movimentada. Pole position, Márquez perdeu a liderança na largada ao ser ultrapassado por Pedrosa e Márquez e caiu para o terceiro lugar, seguido de perto pelo italiano Valentino Rossi e pelo espanhol Álvaro Bautista.

Pedrosa e Lorenzo, trocaram diversas vezes de posição, com o espanhol da Yamaha quase sempre se dando melhor na disputa pelo primeiro lugar. Na décima volta, eles se tocaram e Pedrosa caiu para a quinta posição.

Márquez também aproveitou para assumir a liderança, mas no giro seguinte, sem oferecer muita resistência, foi ultrapassado por Lorenzo. Depois, disso o piloto da Yamaha disparou na liderança, sem ser ameaçado pelos seus adversários.

Já Pedrosa reassumiu a segunda posição ao ultrapassar Márquez quando faltavam cinco voltas para o final da prova. Assim, a corrida terminou com a vitória de Lorenzo, mas a festa foi de Márquez, o campeão da temporada 2013 da MotoGP.

O trio de espanhóis foi seguido por Rossi, em quarto lugar, e pelo compatriota Bautista, em quinto. O alemão Stefan Bradl foi o sexto, o inglês Bradley Smith terminou em sétimo, o norte-americano Nicky Hayden ficou em oitavo, com os italianos Andrea Dovizioso e Michelle Pirro completando as dez primeiras colocações da etapa de Valência da MotoGP.

Confira o resultado final da prova deste domingo:

1º. Jorge Lorenzo (ESP/Yamaha) – 30 voltas em 46min10s302

2º. Dani Pedrosa (ESP/Honda) – a 3s934

3º. Marc Márquez (ESP/Honda) – a 7s357

4º. Valentino Rossi (ITA/Yamaha) – a 10s579

5º. Álvaro Bautista (ESP/Gresini Honda) – a 14s965

6º. Stefan Bradl (ALE/LCR Honda) – a 24s399

7º. Bradley Smith (ING/Tech 3 Yamaha) – a 29s043

8º. Nicky Hayden (EUA/Ducati) – a 39s893

9º. Andrea Dovizioso (ITA/Ducati) – a 53s196

10º. Michele Pirro (ITA/Pramac Ducati) – a 1min02s983

11º. Aleix Espargaró (ESP/Aspar) – a 1min04s197

12º. Héctor Barberá (ESP/Avintia) – a 1min06s826

13º. Claudio Corti (ITA/Forward) – a 1min11s481

14º. Danilo Petrucci (ITA/Ioda) – a 1min13s643

15º. Colin Edwards (EUA/Forward) – a 1min24s249

16º. Hiroshi Aoyama (JAP/Avintia) – a 1min33s010

17º. Michael Laverty (IRN/Paul Bird) – a 1 volta

18º. Luca Scassa (ITA/Cardion) – a 1 volta

19º. Bryan Staring (AUS/Gresini Honda) – a1 volta

20º. Martin Bauer (AUT/Remus) – a 1 volta

Não completaram:

Andrea Iannone (ITA/Pramac Ducati)

Randy de Puniet (FRA/Aspar)

Cal Crutchlow (ING/Tech 3 Yamaha)

Yonny Hernández (COL/Pramac Ducati)

Lukás Pesek (TCH/Ioda)

Damian Cudlin (AUS/Paul Bird)