As semifinais do Torneio de Quebec tiveram uma surpresa neste sábado. A norte-americana Bethanie Mattek-Sands não se importou com o favoritismo da checa Lucie Safarova e desbancou a adversária para avançar à final. Assim, além de eliminar a terceira cabeça de chave, Mattek-Sands também impediu Safarova de disputar a sua segunda final consecutiva da competição.

Finalista no piso de carpete do Canadá em 2008, a tenista dos Estados Unidos não tomou conhecimento da checa, número 28 do mundo. Em apenas 54 minutos, a 71.ª colocada do ranking mundial venceu por 2 sets 0, com parciais de 6/2 e 6/1. Na partida, Mattek-Sands não chegou a ter o seu saque quebrado.

Na outra semifinal, a austríaca Tamira Paszek também não teve grandes dificuldades para vencer a sua rival. Em 1h14, Paszek superou a americana Christina McHale por 2 sets a 0, com um duplo 6/2. Melhor ainda que Mattek-Sands, a austríaca não teve sequer o seu serviço ameaçado no jogo.

A confronto na decisão de Quebec será inédito. Enquanto Mattek-Sands é mais experiente, com 25 anos, e já ganhou um título neste ano – em Ponte Vedra -, a jovem Paszek ainda busca a sua primeira conquista deste nível no circuito. Com apenas 19 anos, a número 151 do mundo é considerada uma promessa.