Quem ficou acordado, com certeza se arrependeu. Croácia e México abriram séria concorrência para levar o troféu de pior jogo da Copa do Mundo. O México venceu a partida por 1 a 0, gol de pênalti sofrido e convertido pelo controvertido meia Blanco, aos 14 minutos do primeiro tempo. Ele ameaçou não ir ao Mundial, mas atendeu a um pedido do governo de seu país e está na Copa.

Aos 2 minutos de jogo, a animada torcida mexicana, presente em maior número ao estádio, já gritava “olé” para simples trocas de passe da equipe. Apenas após os 15 minutos, o México começou a exercer pressão sobre a Croácia. A melhor chance foi do atacante Borgetti, que concluiu da linha da pequena área para fora.

A segunda etapa começou morna. Apenas aos 14 minutos aconteceu uma jogada trabalhada, que acabou decidindo a partida. Blanco tabelou com Borgetti, recebeu dentro da área e é derrubado com falta por Zivkovic. O próprio Blanco cobrou o pênalti no canto direito do gol de Pletikosa. A Croácia teve sua melhor chance aos 20 minutos. Soldo bate de longe e Perez tenta segurar. A bola bate em seu peito e sai pela linha de fundo, raspando o poste direito. Na próxima rodada, o México enfrenta o Equador, enquanto a Croácia tentará a reabilitação frente à Itália.