Após a derrota no clássico diante do Corinthians, o São Paulo sabe que a sua situação no Campeonato Paulista ficou longe de ser confortável. Com 30 pontos, o time está na quarta e última posição que dá vaga nas semifinais, ameaçado por São Caetano, Botafogo, Portuguesa e pelo próprio rival corintiano. Por isso, o zagueiro Miranda quer “força máxima” do time na partida deste domingo.

No retorno da viagem ao México, o defensor são-paulino falou nesta sexta-feira sobre o jogo contra o Botafogo, no Morumbi. “Temos de estar com a cabeça no Paulistão. Tem esta decisão no domingo. Estamos preparados para suportar este próximo jogo. Precisamos ir com a força máxima para conquistar a vitória”, pediu Miranda.

Assim como o zagueiro, todo o restante do elenco se colocou à disposição do técnico Ricardo Gomes para partida decisiva, que serve como confronto direto pela vaga nas semifinais. Apenas o volante Richarlyson, lesionado, e o atacante Washington, suspenso, não poderão atuar contra o time de Ribeirão Preto.