Alkaid, do Haras Ferradura, veio de
Porto Alegre, para o páreo velocidade,

de amanhã. Foto: Valquir Aureliano

A Prova Especial Dois de Dezembro, em homenagem ao aniversário do Jockey Club do Paraná, corrido na noite de quinta-feira, foi vencida pelo argentino Misionero Fitz, que depois de figurar bem durante todo o percurso cruzou o disco de chegada com cinco corpos na frente de Petróleo, outro estreante do treinador Fabrício Borges, com Magnata do Sul chegando perto na terceira colocação.

As provas complementares da noite de sexta-feira foram vencidas por Ludwig Glory (E.P.Santos), de criação e propriedade do Haras Ponta Porã; Tico Morgado (E.P.Santos), do Haras Rio Iguaçu, conseguiu boa vitória no segundo páreo; Kabardino (J.Jesus), do Haras Campo Belense, fez valer sua velocidade na terceira prova; o páreo seguinte foi vencido por Ultramontana (J.Rocha), que pertence ao Haras Preto e Ouro; Renatão (R.Paloma) venceu em chegada sensacional a quinta prova da noite; Deer Hunter (F.Stinghen) marcou mais uma vitória para o Haras Campo Belense; Vittorio Belo, de Adilson Linneo Romeo, foi o fácil vencedor da oitava prova; Inca (E.Araújo), do Stud Cha Cha Cha, foi a fácil vencedora da penúltima carreira; e no páreo final da reunião, realizada em pista encharcada, Josi Megee (J.Rocha) ganhou fácil, com dez corpos na frente do segundo colocado.

O movimento de apostas da reunião atingiu a soma de 151.436,00, apesar da chuva, marcando o início da festa do turfe paranaense.

Leilão

A partir das 18h30, no Tattersall da ACPCCP, serão leiloadas 40 reprodutoras, dos haras Belmont, Beverly Hills Stud, Louveira, Primavera, São Quirino, Valente e Xará; e dos criadores Diácomo Gamaliel Meneghel, Eduardo Guimarães e Ricardo de Bem. Haverá financiamento em 15 parcelas mensais. O leilão, promovido pela TBS, será apresentado por José Luiz Lobo Neto.

Homenagem

Com a realização do terceiro páreo de amanhã, o Jockey Club estará homenageando a turma do centenário do Paraná, da Faculdade de Direito da Universidade do Paraná. Entre os advogados que serão homenageados, três estão ligados ao turfe; Silvio Bertoli, proprietário do Haras Santarém; João Gasparin, que foi diretor do Jockey Club e destacado proprietário; e Heitor Pinheiro Lima Filho, que realizou importante trabalho em favor do turfe paranaense, especialmente pelas suas atividades junto ao Jockey Club Ponta-grossense.