Os jogadores do São Paulo deixaram o Estádio Olímpico eufóricos com a vitória sobre o Grêmio, que rendeu ao clube a liderança do Campeonato Brasileiro. Mas o técnico Muricy Ramalho tratou de refrear a euforia do grupo. Quer seus jogadores concentrados, sobretudo porque o próximo rival é o Botafogo, que pode retomar a ponta da tabela, caso vença o duelo de quarta-feira. às 21h45, no Maracanã.

O técnico fez questão de elogiar o Botafogo, dirigido por seu amigo Cuca. Mas ainda está irritado com o fato de o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) ter absolvido o atacante Dodô da acusação de doping. Antes do embarque para Porto Alegre, chegou a dizer que a decisão representava aval para quem quisesse se dopar.

Além de ter de enfrentar o atacante botafoguense, o São Paulo não poderá contar com Souza e Hugo. Os dois meias tomaram o terceiro cartão amarelo e terão de cumprir suspensão automática. Em compensação, Muricy Ramalho terá a volta do zagueiro André Dias e do atacante Dagoberto, praticamente recuperados de lesão.