A participação brasileira no Sul-Americano Juvenil de Natação, disputado no último final de semana em Valparaiso, no Chile, foi histórica. O Brasil conquistou 73 medalhas (43 ouros, 25 pratas e 5 bronzes) e venceu a competição com 732 pontos, à frente da Venezuela (424) e Argentina (145). O Paraná foi representado pelo Clube Curitibano, que trouxe 15 medalhas da competição, sendo oito de ouro, cinco de prata e uma de bronze. Além disso, Sarah Marques cravou o novo recorde da competição nos 50 Metros Livres.

O campeonato juvenil apontou diversos atletas com potencial de integrar a seleção brasileira olímpica em 2016, entre eles os nadadores do Clube Curitibano. Além de Sarah, Manuella Andrade também fez história na competição, ao conquistar medalhas de ouro nos 400 Medley, 400 Livres e no revezamento 4×100 Livres e 4×100 Medley, além de duas medalhas de prata – nos 100 e 200 metros livres. Giovanna Dorigon trouxe dois ouros, um conquistado nos 200 metros Medley e outro no 4×100 Medley, além de três de prata (100 metros peito, 200 metros peito e 400 metros Medley).

Felipe Rizzo completou a conquista de medalhas da equipe paranaense, ficando com o bronze nos 400 metros Medley.

Nado de costas

Com quatro medalhas de ouro conquistadas a nadadora do Clube Curitibano, Daniella Laíse Giugliano de Paula, 14 anos, foi destaque no Campeonato Regional Sul Paranaense de Natação ocorrido no último fim de semana em Curitiba.

Além do ouro, ela detém o melhor tempo do Brasil em duas provas. Segundo a equipe técnica do Clube Curitibano, nenhuma outra atleta da categoria juvenil 1 em todo o Brasil superou suas marcas de 1’10”96 nos 100m costas e 2’33”34 nos 200m costas.